quinta-feira, 17 de julho de 2008

57ª Parte – Sobre o Blogger “Segredos do Planeta Shan” - Algumas considerações pessoais...

AVISO IMPORTANTE ao Amigo Leitor!

Para você entender perfeitamente o conteúdo e intenção deste blog, não leia matérias isoladas! Use 10 minutos do seu precioso tempo, diariamente, e inicie sua leitura pela mensagem “Aviso Importante aos Novos Leitores” (14/06/08) e depois vá para a “1ª Parte” aqui postada, seguindo continuamente os capítulos, pois eles possuem um encadeamento entre si que o levará a entender perfeitamente o processo da Terra, bem como toda a nossa existência sobre ela. Minha intenção não é a de criar “medos” em hipótese alguma, mas sim puramente a de mostrar “verdades escondidas”, porém com muito “Amor” pelo meu próximo!

Paz! Hipátia III


Vamos daqui pra frente entrar no enfoque principal deste blog, desde o início assim anunciado – Cinturão de Fótons de Alcyon! Quero ressaltar que o que vou falar aqui, de certa forma, não será nada agradável, tendo em vista o lado escancarado dos fatos que pretendo postar. Entretanto, no meu entender, não existe mais tempo de se esconder nada de ninguém. A única preocupação minha é de não criar pânico, pois minha intenção está longe disso, muito pelo contrário, quero e devo “informar”, com o único intuito de despertar novas consciências, bem como dar um “cutucão” nos que acreditam, mas se encontram “acomodados” por acharem que tudo ainda está longe de acontecer...


Outro dia, uma amiga me enviou o seguinte e-mail que, por uma questão de ética, não identificarei seu nome:Entrei no teu blog e está muito lindo, mas, amiga... tenho receio de passar para as pessoas imagens que as programem no negativo, no medo da destruição, das catástrofes. Não é todo mundo que consegue separar as coisas, andei postando as sete profecias em meu blog, ficou uma apresentação muito bonita, mas... fiquei preocupada com as reações emocionais das pessoas, pela consciência da responsabilidade nas mensagens que passo, fiquei me questionando até que ponto eu tenho o direito de passar adiante mensagens que podem desencadear emoções não muito ortodoxas, em pessoas não muito equilibradas que ainda permanecem no medo e na angústia do tenebroso fim do mundo. Não retirei minhas postagens mas, mesmo assim, ainda fico cismada se não estou ajudando para que as pessoas desenvolvam mais ainda emoções que contribuam para que o negativo continue se criando pois, sabemos que pensamentos emocionalizados são alimento para o negativo, ou positivo. Desculpe... não estou querendo criticar, apenas conversar com uma pessoa que como eu se propõe a informar”.


E eu lhe respondi assim: “Entendo perfeitamente a sua preocupação, porque já tive o mesmo pensamento, tão logo comecei a intuir que está na hora de escancarar todas as verdades escondidas. Até que começaram a me chegar informações que me tiraram deste impasse. A grande parcela da sociedade ainda se encontra alienada da realidade que a cerca, vivendo uma vida ilusional, voltada para o materialismo (até a fé delas está assentada em materialismos paupáveis e enganatórios - onde "se eu freqüentar a igreja, eu me salvo", "se eu der o dizimo, eu me salvo", "se eu comungar todos os domingos, praticando a eucaristia, eu me salvo" - e por aí vai...). Escutar, presenciar estas e outras coisas e se calar, estarei eu ajudando em alguma coisa? Ser conivente com os projetos conspiratórios de acobertamento de tudo que é verdadeiro, e que por interesses escusos assim são feitos, estarei eu ajudando em alguma coisa? Não, pelo contrário, estarei sim ajudando a essas pessoas a continuarem presas a um "sistema infernal" que vai levá-las, por alienação dos acontecimentos a sua volta, por medo de ir pro inferno, etc., (pois já vivem reprimidas pelo medo), a não tomarem consciência dos fatos e, consequentemente, a não caminharem deveras em prol de sua verdadeira evolução espiritual. Estarei fazendo o mesmo que as religiões, os governos, enganando, enganando, enganando, já que a omissão de tais fatos não será muito diferente, frente à proximidade das grandes tribulações que nos aguardam... Estarei sendo conivente com o “sistema infernal” e, por conseguinte, também estarei entravando minha evolução, e isso não quero que aconteça, a não ser que eu não mais tenha consciência das coisas... Pensei muito sobre tudo isso, e me veio intuitivamente um exemplo bem simplório e significativo: "Você como mãe, vê seu filho fazer coisas que não são corretas, o que você faz? Dialoga e lhe mostra o correto, e se preciso for usa de energia amorosa e compatível com o problema apresentado? Ou deixa para lá, com receio de melindrá-lo ou lhe causar problemas colaterais, permitindo-o ficar à mercê de influências que poderão levá-lo a se perder em sua espiritualidade? Em qual das situações, realmente, você estará demonstrando amor? Educando ou se omitindo? Pronto, depois dessa, caiu a ficha e não tive mais dúvidas! Se amo ao meu próximo, eu tenho de lhes mostrar a verdade, mesmo que essa verdade doa. Agora, o livre-arbítrio é dele, a opção é dele, se vai despertar, maravilha, mas se vai continuar se iludindo, o problema é dele, mas eu estarei consciente que fiz a minha parte. Uma outra coisa importante a ser colocada aqui, é sobre nossos jovens, os quais muitos estão metidos nas drogas, na prostituição, na decadência moral, tudo em função desses acobertamentos das verdades, deste sistema que só visa interesses outros que não é o bem da humanidade. Nossos jovens percebem todo um mundo caótico à sua volta e não conseguem ver saída, daí a sua decadência. A única forma de ajudá-los, a meu ver, é lidando com a verdade que eles sabem que existe, e que não é essa aí que mostram nas escolas, nos grupos religiosos, etc., pois o jovem trás as verdades dentro de si, elas lhes são inerentes, só não conseguem enxergá-las porque são ludibriados de todas as formas... E isso deve ser dito à todos os "Guerreiros da Luz"! Pois junto à luz não podem existir mentiras e nem omissões, principalmente nestes momentos em que estamos vivendo! Jesus quando virou a mesa dos mercadores no templo, não pensou se poderia os estar magoando, criando seqüelas em suas crenças, se os deixaria ou não desequilibrados com tal ato... Simplesmente Ele fez, porque essa era a sua verdade! É sempre a verdade, portanto, que deve prevalecer em todas as situações! Pois isto implica em respeitar, que por conseguinte, implica em amar o nosso próximo! E essas verdades que estamos mostrando em nosso blog, não dá mais para esconder, não existe mais tempo para isso! Agora, é como diz o ditado: "ou vai, ou racha"! E eu prefiro ir, e levar um monte de gente comigo, que despertou sua consciência através das verdades aqui postadas... Das duas uma, ou as pessoas vão ler e me achar “doida de pedra”, e não vão acreditar em nada do que eu disse, ou vão parar para pensar... E é nesse “parar” que a luz leva vantagem, pode ter certeza disso! Mesmo porque, sei que temos a devida proteção de nossos mentores! Essas dúvidas não nos são colocadas por eles, mas sim pelas "sombras", já que nosso trabalho é do Bem e do Amor! Os Mentores da Luz só nos trazem certezas e não dúvidas, desde que estejamos devidamente conectados com Eles!”.

Bem, postei esses dois e-mails aqui, pois eles dizem muito do que pensei em repassar aos amigos leitores. Além de lhes sugerir, ainda, que busquem a centralidade de seu ser, para que possam, com equilíbrio, entender e aceitar os próximos contextos que doravante serão aqui colocados. Isso porque, para que possamos compreender e aceitar temos de nos abrir além dos dogmas religiosos, científicos, culturais, e até mesmo esotéricos, pois mais um “véu de Isis” lhes será descortinado, numa espécie de ultrapassagem de “brumas” no caminho do incompreensível...


PAZ EM TODOS OS QUADRANTES!

Alto Paraíso, 18 de Julho de 2008

Hipátia III


2 comentários:

jose gomes disse...

Estou admirando muito seu trabalho.
Que todo mundo entenda que nada de mal lhe acontece, quando se desapega da matéria e do materialismo.
A todo mundo recomendo que esvazie seu pensamento de todo materialismo, entre e e se envolva na sua essência.
Um abraço na harmonia global
jose gomes
http://viagem7.blogspot.com

HIPÁTIA III disse...

É isso aí, José!
Quando a humanidade despertar que a matéria nos foi dada para nossa sobrevivência e jamais para acumular riquezas, viveremos num mundo mais feliz e teremos nossos caminhos abertos para a evolução de nosso "ser"!
Muita Paz!
Hipátia